Amor em Estado Sólido

Redes vs Laços

Laços sólidos ou líquidos? Mundo sólido ou líquido? Ter ou ser? Redes ou comunidades? Liberdade ou segurança? Foco ou dispersão?

Vivemos no interregno, sem saber quem somos e para onde vamos. Enquanto isso, a cultura do imediatismo escraviza-nos, a tecnologia é uma enciclopédia de fragmentos informativos, mas sem consistência ou sabedoria. Estamos confusos e o melhor que sabemos é reagir a curto prazo às crises, sem educação a longo prazo.

Socializar é sinónimo de 500 amigos no “Facebook” e a facilidade de conectar e desconectar sem passarmos por eventos traumáticos , transformando, assim, o conceito de amizade.

Queremos tudo “fast”, ou perdemos tempo e paciência. Estamos sempre atrasados para as próximas oportunidades, para o Mundo lá fora, mas no fundo, idealizamos o amor seguro ao lado de alguém que nos acompanhe e complemente em tudo.

Apenas não estamos dispostos a confiar, a ficar vulneráveis, a entregarmos a alma , o poder , o amor e a perder a liberdade que essa segurança nos traz. Dois conceitos indissociáveis: liberdade e segurança, acredito , por isso, que a receita da felicidade se encontra na junção perfeita dos dois. Repara: segurança sem liberdade é escravidão, liberdade sem segurança é o caos.

Em suma, os laços humanos, são raros e cada vez mais valiosos.


E tu, como te conectas com a vida e com as pessoas que se cruzam no teu caminho?


Sê presente , acredita, abre-te à experiência e faz sempre o teu melhor. Lembra-te : tudo o que é estimulado fica mais forte, o que não é , definha.

Citando Saint Éxupery : “O essencial é invisível aos olhos. Só se vê bem com o coração.”


Tânia Moreira


#bauman #leandrokarnal #monjacoen #saintexupery #reflexao #criarlacos #amor #plenitude #amorliquido #mundoliquido #masterlife #masterlifebytaniamoreira #reiki #coaching





64 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

© 2017 Masterlife. Together Making One. All right reserved.